Pesquise Preços de Medicamentos e Compre Online Pagina Principal Notícias e novidades ABC da Saúde Contato Adicione este site aos seus favoritos
Pesquisar

Disposição versus cansaço
 
Publicada em 23/12/2009 21h54

Disposição versus cansaço

Normalmente um repouso ou uma noite bem-dormida é suficiente para recarregar as energias e enfrentar um novo dia, mas nem sempre é assim.
Algumas vezes, a mente está tão atribulada e o corpo tão exausto que, ao despertar após uma noite de sono, a falta de ânimo e o cansaço excessivo nos impedem de retomarmos a nossa rotina.
Ou se retomamos, fazemos com pouca disposição.

Quando isso acontece, sentimos a necessidade de “afrouxar” o dia-a-dia e descartar alguns compromissos, para tentar recuperar a energia e dissipar a fadiga.
E o engano que a maioria das pessoas comete é diminuir ou até mesmo extinguir as atividades físicas da rotina. De fato, praticar esportes sem ter ânimo é um grande desafio, e forçar nem sempre é uma saída saudável.
Mas desistir do exercício não vai fazer com que a disposição retorne e o cansaço constante desapareça.

O mesmo ocorre quando iniciamos a prática de algum esporte. Começamos com todo o gás e, de repente, o cansaço e a preguiça nos estimulam a parar.
Não desista.
Essa exaustão inicial é apenas uma barreira que deve ser vencida. Se houver persistência, em poucos dias a preguiça dará lugar ao prazer e à euforia proporcionada pela endorfina, hormônio que, quando liberado pelo corpo, proporciona uma incrível sensação de bem-estar.

O cansaço excessivo não será eliminado com o fim da prática de esportes. Se a exaustão permanece mesmo após um bom descanso, algo está errado.
De acordo com especialistas, vários fatores podem afetar o organismo e causar o desânimo, como grandes frustrações, noites mal-dormidas, déficit de nutrientes no corpo e doenças como diabetes e hipotireoidismo, que causam desequilíbrio nos hormônios.
Por isso é importante investigar as causas para acabar de vez com o cansaço.

O primeiro passo é ir ao médico e fazer exames. Se for um problema físico, rapidamente será descoberto por um bom especialista. Aí é só seguir o tratamento recomendado para retomar a sua rotina com muita disposição e saúde.

Conheça produtos que auxiliam no tratamento do stress, cansaço, ansiedade. Clique aqui.

Outra boa atitude é refletir. Tire um dia só para você. Passeie, descanse a mente, faça uma longa pausa em um lugar silencioso.
Em que momentos o cansaço aparece? É possível que você faça as atividades certas nos horários errados. Somos diferentes, e o nosso organismo também.
Algumas pessoas produzem melhor de manhã cedinho. Outras são mais eficientes à noite.

Refletir sobre isso é a primeira etapa para descobrir qual é a melhor forma de encarar os desafios do dia-a-dia.

Além disso, faça um balanço da sua vida nos últimos tempos. Você tem momentos só seus? Faz o que gosta? Se sente realizado no trabalho?
As frustrações que permeiam a rotina podem parecer facilmente superadas, mas às vezes o acúmulo de insatisfações e problemas mal resolvidos afeta a saúde psíquica e, conseqüentemente, o organismo.

Algumas outras rotinas, se adotadas com atenção, podem ajudar a tornar o cotidiano mais leve.

Alimentar-se com refeições equilibradas, adquirir uma rotina de sono regular e acabar com maus hábitos, como fumar e ingerir bebidas alcoólicas com regularidade, são excelentes ações para manter a saúde em dia e o ânimo também.

E a mais importante de todas as atitudes: pratique com regularidade um esporte – caminhar, correr, nadar, freqüentar uma academia ou pedalar.

Só tome cuidado com a empolgação inicial. O ideal é começar devagar para evitar que o desgaste desestimule o iniciante de tornar a atividade uma prática constante.


Seguindo esses conselhos, o cansaço persistente dará lugar a uma deliciosa disposição.


Fonte: www.taeq.com.br    by Site Médico



Estudo mostra aumento de problemas cardíacos por causa de analgésicos    
Dor de cabeça não é mera desculpa    
Distúrbio e Hormônio do Crescimento GH    
Ginastica para gestantes    
Garrafada de Plantas Medicinais    
Saude e Sexualidade: Pompoarismo    
Cha verde protege contra Alzheimer e cancer    
Cuba anuncia 1a vacina terapeutica contra cancer de pulmão    
Cientistas descobrem como alguns canceres se tornam malignos    
Cientistas chilenos desevolvem vacina contra alcoolismo    
ASMA: A VILÃ DA INFÂNCIA    
Dicas para acabar com a celulite e estrias    
Sonho: Desejo de engravidar    
A Cura do câncer    
A Cura da AIDS    
O poder do vinho na saude    
Infertilidade humana    
4BIO Medicamentos Especiais    
Corrimento vaginal: Como evitar    
Câncer de mama    
Câncer colo-retal    
Osteoporose    
Glaucoma    
Próstata    
Calvície    
Disfunção erétil    
Tamanho do pênis    
Tensão Pré menstrual    
Espinhas, cravos, acne    
Ejaculação precoce    
Viva mais e melhor    
Parar de fumar    
Doenças Cardíacas    
Hemorróidas    
Labirintite    
Infarto cardíaco    
Obsesidade    
Cólicas Menstruais    
Síndrome do Ovário Policístico    
Câncer colo-retal    
10 dicas para a saúde sexual masculina    
Obesidade x Saúde sexual    
Os riscos da falta de vitamina D    
Grandes doses de vitamina B podem atrasar ou deter o Alzheimer    
O poder do AMARANTO    
Estatinas contra o Colesterol    
Diabetes. Preciso tomar remédios?    
Tudo sobre Força Muscular e Saude do corpo    
Pilula do dia seguinte    
Dicionário Médico    
Disposição versus cansaço    
Principais laboratorios    
O dano dos anabolizantes    
Viagra x Cialis x Levitra - Comparativo medic. para impotencia    
10 perguntas e respostas sobre pílulas anticoncepcionais    
Musculação    
Homeopatia X Alopatia    
Medicamentos similares    
Medicamento de referência    
Medicamentos genéricos    

O Ministério da Saúde adverte: Todo medicamento pode causar mal a saúde. Todas informações sobre saúde contidas neste site são fornecidas somente para fins educativos e não pretendem substituir, de forma alguma, as discussões estabelecidas entre médico e paciente.
Todas as decisões relacionadas a tratamento de pacientes devem ser tomadas por profissionais autorizados, que levarão em consideração as características exclusivas de cada paciente. Não faça auto-medicação. Consulte o médico regularmente.
Desenvolvimento: qualitÉ! Tecnologia Encontre medicamentos e muito mais. Pesquise preços, compare e Compre online!
Preços de Medicamentos - ® 2010. Todos os direitos reservados.   Administração  Webmail
PÁGINA PRINCIPAL | QUEM SOMOS | NOTÍCIAS | ABC DA SAÚDE | CONTATO
contato@precosdemedicamentos.com.br